Alada*

Modesto Roldan (2)

um pássaro

bate asas no meu
peito
a pedir paisagens no parapeito
da tua
boca.

faz,
(de brilho suspenso
nos olhos,)
com as palavras,
fio onde baloiça penas
antigas

a pedir carícias desses
dedos
que desenrolam novelos.

és a ponta onde me encontro.
e o laço com que me enfeito.

Rosa Maria Ribeiro

* imagem: Modesto Roldan

 

Decreto

12565591_389968211172127_9124635128302258168_n

Crio um decreto como forma de ditar regras. Riem dela porque adora ler os manuais. Coloca estrelas nos meus olhos nas primeiras horas da manhã. No poder encantatório das palavras ilumina meu canto poente da sala. Procura o nome que dei à ela nas pétalas do meu dedo que cheira a maresia.

Decreto
Decreto que todas as coisas fiquem lindas por causa do amor e que o amor embeleze todas as coisas.

in, Diário das Quatro Estações – Mariana Gouveia

*imagem: Anna O.

 

 

 

 

Com vocês, Mariana Gouveia…

Eu, pelas linhas de Lunna!

Scenarium

mariana gouveia

Identidade. Mariana de Lourdes Silva Gouveia
Avesso. Mary, borboleta.
Manifesto. Radialista, funcionária pública, artesã, assessora de imprensa, secretária, poeta.
Intuição. Alma em liberdade
Brasa. Não desistiria.
Como nasceu. De um parto complicado, pelas mãos de uma parteira chamada Florinda e que todos a conheciam por Fulô. Era o primeiro dia de Julho.
Descobrindo seus pares. Em um atravessar de rua e um poema escrito e a palavra amor ganhou dois sentidos.
Quem mais te dinamitou? Minha mãe, minha parteira, a vida, os encontros.
Onde busca seus temas? No dia a dia. No que vejo na natureza, no que sinto, nas ruas, nas pessoas.
Quantos personagens habitam em você? Infinitos…
Quantos já te levou a loucura? Quase todos
Quais deles já te arrastou para um canto escuro e chorou? o que ainda está por vir em Corredores.
Como escolheu o nome do seu livro? Quando veio o convite para escrever o…

Ver o post original 97 mais palavras

O diário virando um livro…

Diário.jpg

Só existe uma única estação dentro dela.
A da espera.

Os dias foram acontecendo dentro da minha rotina. Entre o trabalho e as previsões, a lucidez das horas e a saudade o diário foi criando vida.
O horóscopo trazendo opções de escolha e a bênção do pai a dirigir sentimentos.
Assim, o diário foi visto pelos olhos do amor.
Um convite e ele virou um livro.
Um livro onde dedico alegria, esperança, momentos lindos e uma história rica de amor.
Em alguns dias, uma palavra bastava. Em outras, vivi todas as estações e ainda assim, era náufraga de um mar que não conheço e de um rio onde bebo na fonte.
O livro está aí. Feito com carinho e dedicação pela Scenarium Plural Editora.
Você pode adquirir pelo email scenariumplural@globo.com

Mariana Gouveia
O lançamento será pela Scenarium Plural Editora.
No dia 27/08, às 16h, na Biblioteca Mário de Andrade
Rua da Consolação, 94 – Consolação
SP – SP
Aguardo você lá!