Sinfonias de te encantar

Sinfonia de encantar

Não preciso de te olhar para ainda te saber.

De tocar-te para sentir-te, de tal forma és em mim!

Vesti-me de ti um dia, para que nunca te fosses.

E dentro de mim ficaste, até que a ti me juntasse.

Nos teus pés, ainda danço, sinfonias de encantar.

No teu colo, ainda me enrolo, até a calma chegar.

Sei que estás sempre comigo, nos sorrisos que me abres.

És o sal das minhas lágrimas, as penas das minhas asas.

Minha voz, quando te canta, traz-te de volta p’ra mim.

E a saudade… Não existe. Porque persistes vivo, assim!

Rosa Maria Ribeiro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s