Caiu-me no colo a primavera…

Caiu-me no colo a primavera...
num prado verde onde dorme a esperança. que acordo. num sopro tépido onde as palavras nuas se deixam beijar. e o fruto, faz-se livre nos lábios que tecem uma nova canção.

Rosa Maria Ribeiro

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s