Colhe-se leveza nos caminhos percorridos.

Colhe-se leveza nos caminhos percorridos..JPG
Uma brancura se estende e o infinito é logo ali…
me surpreende a vida do lugar… a maciez do toque, as cores misturadas e um horizonte todo para percorrer – onde o olho alcança há colheita ou plantação…
O dia, ao nascer, reserva sementes para logo se tornarem frutos, e os frutos, logo serão matéria-prima de algo para se construir... e assim, construo pontes rumo à minha história.

Mariana Gouveia
In Cadeados Abertos – Diário das Quatro Estações
Editora Scenarium Plural
pág. 15
*Campo de algodão depois da colheita – Interior de Mato Grosso

Anúncios

2 comentários em “Colhe-se leveza nos caminhos percorridos.

  1. Lunna Guedes disse:

    viajei minha cara… recordei algum lugar guardado aqui dentro. Viagens de trens, obviamente, no templo de minha infância… eu costumava passar por campos de girassóis, plantações de algodão, flores do campo, parreiras repletas de uvas e oliveiras. Cada lugar uma sensação diferente.
    É sempre bom viajar na sua companhia

    Curtir

    • Mariana Gouveia disse:

      Tão lindo quando te vejo aqui!
      Nessa última viagem, desci do carro e fiquei horas a olhar os campos sendo colhidos. Foi uma sensação de imagens e lembranças que viajei dentro da viagem.
      Bacio, bambina

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s