Havia resquicios da tarde na manhã.

Havia resquicios da tarde na manhã.

 

O rio acolhe a teia como colo.
A vida acontece ali, onde o olho alcança.
O traçado traz lembranças vividas
e ocorre o pensamento da saudade.
Calculo as horas que faltam.
Logo ali, na curva, mora o horizonte de esperança e é para lá que vou.

Mariana Gouveia
In – Cadeados Abertos – Diário das Quatro Estações
Editora Scenarium Plural
pág. 31

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s