Perdeu a conta dos meses…

Perdeu a conta dos meses...

já havia se passado dois ou três
não se lembra
Só lembra da falta constante dela.

Pensou que ela voltaria na nova estação
Por isso, cuidou do jardim
revolveu as raízes, adubou a terra
– a flor que era delas nasceu –
da semente que ela enviara.
Rubra. Majestosa, reinava no jardim todo.

Deixou as marias-sem-vergonha com vergonha.

Se preparou para o dia com perfume
vestiu a roupa preferida
decorou o melhor poema

o dia corria solto e as horas marcavam que já era o fim do dia

Quis arrancar a flor.
Quis apagar o jardim

Chamou pelo nome como fazia todo dia

e só aí percebeu que a ausência era para sempre

Havia a possibilidade de enlouquecer de amor?
Se desnudou para a flor
Revelou seu amor para quem não existe

escreveu o nome dela em todas as coisas.
Repetia a canção que ela gostava

depois disso, arrancou a estação do calendário.

Mariana Gouveia.
*imagem: Anna O.

Anúncios

2 comentários em “Perdeu a conta dos meses…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s