Fecha os olhos…

alicja Bloch

e, imaginando a maresia que há no corpo dela,
diz seu nome, e o repete,
e o diz de novo, e se engasga ao dizê-lo,
ao repeti-lo e ao dizê-lo de novo,
e de novo.
E se afoga,
com o sorriso agradecido dos que se afogam
por amor.

Raul Drewnick
*imagem: Alicja Bloch

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s