37. das palavras das cartas

A carta veio dentro do livro. O envelope colorido a evocar lembranças de tudo que foi vivido.
Ali, cabia a frase da música que gostava e continha a tradução do que sentia.
Riu ao lembrar dos gestos que mãe fazia quando escrevia. Há quem diga que ela faz igual.
Podia junto com as palavras fechar os olhos e sentir o cheiro do mato, das verduras frescas da horta, do chá de hortelã a invadir os aposentos… a broinha de milho a atiçar a fome… até os gritos dos irmãos lá fora.
A sensação é que se abrisse a janela as lembranças se materializariam diante dos olhos.
A letra miúda a descrever os instantes tão bem que poderia desenhar se quisesse.
A mão a acolher o voo, a ser pouso do inseto preferido enquanto os irmãos morriam de medo de qualquer ser que pudesse voar.
Era uma carta antiga… Lida infinitas vezes como se com isso pudesse voltar no tempo e apreender tudo de novo, dentro do que lembrava de felicidade.

Mariana Gouveia

37. das palavras das cartas

Anúncios
Esta entrada foi postada em ....

4 comentários em “37. das palavras das cartas

  1. Maria de sa disse:

    “Era uma carta antiga… Lida infnitas vezes como se com isso pudesse voltar no tempo e apreender tudo de novo, dentro do que lembrava de felicidade.” Todo o passado é sempre uma lembrança com mensagens de um regresso com conotações. de tédio,escuridão e de luz. Maria

    Curtir

  2. Lunna Guedes disse:

    Aqui, madrugada, em Sampa…

    Cara mia, penso nas minhas lembranças todas, viajo-vago e me perco. Uma vez perdida, ouço os trovões e vou ao seu encontro, dentro de um envelope. Preciso escrever-te.

    bacio

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s