Trauma

Trauma
Nem sei que água me trazes
Aposto
Que molha e me dói
Como dói ser
Adiante
As águas que se me
Repetem
Um dia me entraram e
Antes
Talvez que nunca me
Encharques
Estou a queimar-me
De frio.

Adriane Garcia
*imagem: Tumblr

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s