Maratona de Outubro – 4 – Os livros que abandonei

– Abandonou-te?
– Pior ainda: esqueceu-me…
Mário Quintana

Escuta, bambina mia, trovoa aqui enquanto Gadu solta a voz e devo dizer que grito teu nome… Adianto que sou uma viagem pelo céu, enquanto os relâmpagos parecem flashes de máquina de fotografar. Esse infinito de nada, dentro das nuvens, parece aurora boreal. Quase uma história inventada além das palavras. É surreal!

Nesses momentos eu abandono os livros e meus olhos voltam -se para essa infinitude enquanto a estante empoeirada acolhe os livros que abandonei.
Pessoa – o Fernado – é quase um pedido de socorro ao lado de Machado de Assis… Acontece, bambina, que as migrações acontecem também aqui, no meu lugar. As corujas ” de louça” assistem passivas a mudança de um livro após outro. Os olhos delas são como se o ocaso encontrasse o dia e daí não se pode fazer mais nada. É pura viagem.

Dom Casmurro é um dos livros que abandonei. Nunca compreendi bem a história de Capitu… mas me encantou demais os olhos de ressaca e confesso que até hoje, a canção Elephant Gun me leva pelas páginas do livro e se me perguntar o porquê eu vou dizer que nem sei.

Não que seja um abandono por querer. Se bem que muitas vezes, alguns livros não me conquistaram e os “abandonei” nos bancos de praças, pontos de ônibus,etc. Nunca voltaram, então conclui que se adaptaram nos olhos de quem os encontrou.

Você deve saber o quanto é impossível abandonar um livro, ali, nas esquinas das estantes ou mesas. Mas, o tempo, bambina… ah, o tempo é esse menino travesso que se dependura nos ponteiros do relógio e quando percebemos já é noite-madrugada-manhã-semanas-meses-anos…
E por falar em tempo, a hora me chama a razão e lá vou eu, rumo à vida.
Vem comigo?

Bacio,

Mariana Gouveia
|Projeto Maratona de Outubro
Participam desse projeto
Ale Helga | Cilene Mansini | Fernanda Akemi | Mari de Castro | Obdúlio Nunes OrtegaLunna Guedes

Anúncios

3 comentários em “Maratona de Outubro – 4 – Os livros que abandonei

  1. […] Claudia | Ale Helga | Cilene Mansini | Fernanda Akemi Mari de Castro | Maria Vitória | Mariana Gouveia | Obdulio Nunes […]

    Curtido por 1 pessoa

  2. Lunna Guedes disse:

    Confesso que me ocupei mais de teus movimentos pelos lugares, cenários, dos trovões e senti até um cheiro forte de café (que ainda irei fazer) que dos livros. Nunca entendi essa expressão ‘olhos de ressaca” do Machado. Nem me parece coisa possível para uma mulher. Parece mais masculino, duro, frio. Enfim, eu e Machado pouco nos entendemos e em Dom Casmurro, após três leituras, digo que ele é um excelente construtor de personagens. rs

    bacio

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.